19 January, 2008

E ainda sobre a passagem do ano em... :-)

Guess what was cooked? :-)
(Obrigada Tani pela foto!)

Este é o Tradicional Perú do Dia de Acção de Graças - Thanks Giving - um maravilhoso Feriado, que calha sempre a uma 5ªf, enquadrado num fim-de-semana de 4 dias :-)) Queria só partilhar esta foto com vcs, pois a fotografia não está directamente ligada ao 'post', mas poderia ser o nosso peru, o peru do Natal, correcto? :-)

Este é um 'post' curtinho - cada vez que escrevo isto sai-me o 'tiro pela colatra ':-) - só para partilhar com vcs uns pensamentos acerca da passagem do ano aqui.

Esta Christmas Season, como os americanos costumam designar estas 2 semanas de pausa no meio académico - e digo-vos, que grande pausa! o departamento esteve completamente deserto, e raramente vi pessoas no campus.
E claro está mantive bem os olhos abertos para perceber como o pessoal daqui se movimenta e comporta na Época Natalícia.

Esta região nordeste ficou bastante calma, só pude apercerber-me de grandes movimentações nas lojas e nos supermercados, mas nada de "major traffic jams".
Mas em downtown, o cenário foi completamente diferente! Já bem perto do Natal ouvia na rádio que aquilo por lá estava bastante complicado, muita, muita gente mesmo - e o distrito comercial não é assim tão grande, só uns quantos blocks... por isso podem imaginar.

A passagem do ano é que trouxe novidades!
Com a televisão ligada - fazia muito frio para eu estar lá fora - o 1o facto consagrado foi o Happy New Year na Times Square, em NY. Horas de programação sobre este acontecimento. Mesmo depois do Ano Novo ter chegado a Seattle, os canais continuaram a dar a passagem do ano la'.
São 3 horas de diferença e lembro-me de correr para a sala quando faltavam segundos para a meia-noite em NY, deu-se a meia-noite e depois filmaram as pessoas, foram fazer perguntas e quase nenhum dos entrevistados soube dizer o que queria que o ano novo trouxesse :-o ... e ainda, um casal que ficou noivo: "Do you marry me?.. YES, I do!!" e os media caíram em cima deles, pois esta' claro, e mais! com direito a anel e tudo, é verdade, só mesmo visto.

Mas voltando a Seattle, a emissão começou por volta das 23h30m, sensivelmente, no Space Needle, a torre emblemática de Seattle e onde se juntaram milhares de pessoas para assistir ao fogo-de-artifício, que sai da torre. Este ano prometia: o fogo-de-artificio iria ser ao som de música!
Começou a contagem decrescente e o fogo-de-artifício começou a subir a torre começando pelo nível mais baixo até que chega 2008 e... nada!
Nada de nada! :-D a música a dar, a 1ª seleccionada era a da Guerra das Estrelas, a ecoar em alto e bom som pelo Seattle Center e do fogo-de-artifício nem sombras!
Houve um problema técnico, claro que isso não impediu as pessoas de comemorarem, beijos, abraços, gritos e sei lá mais o quê, mas lembro-me da locutora dizer qualquer coisa deste género: "The man in charge for the fireworks should be freaking out right now!" :-)
Começou 6 min depois da meia-noite, já bastante desfasado do som, mas foi bonito.
E depois? perguntam vcs.
Bem.. depois, seguiu-se uma linha grande de casais, onde os homens ajoelhados e de anel na mão perguntavam em directo para a TV: 'Do you wanna marry me?', mas muito mais intensamente que em NY, estes até explicarem porque queriam casar!
O 1º casal, lembro-me perfeitamente, eu assim muito incrédula em pé a olhar para a TV, ele depois do grande discurso faz a pergunta e ela, agarra no microfone do jornalista e responde em voz alta: "I will !!!" e depois veio o anel.
O anel de diamante(s) é que tem que ser, é tradição e geralmente vem sempre acompanhado de um momento único 'inesquecível'.
Depois dessa noite comecei a reparar melhor nas mãos das senhoras casadas e realmente lá está: a aliança e o anel, que se supõe ser, de diamante.

Para terem uma ideia dos preços, consultem o Oráculo Google.

O que mais me intrigou, e deixo para vcs pensarem, foi a idade dos casais. Excepto um casal mais velho que já vivia junto há algum tempo, todos os restantes eram mid-twenties! bastante novos, o que é comum aqui.
Mas já não é tão comum na Europa, onde a tendência é para se "casarem" mais tarde.



Cloudy hugs {**

No comments: