30 September, 2008

As férias 08 - parte II

Comecem por ler a parte I (aqui) .


A outra situação interessante acontece pouco tempo depois, também depois de uma ida ao WC.

O avião ia todo à escuras, só os ecrãs das tv's atrás dos bancos ligados e poucos, porque a maioria das pessoas dormia (que inveja!) e a luz dentro da WC era bem forte, o que fazia com que assim que deixassem a casa-de-banho, os nossos olhos tivessem alguma dificuldade a ver no escuro (eu tenho bastante, neste tipo de situações), e os olhos demoram um tempo a conseguir focar novamente, num ambiente sem luz.
Foi isso que aconteceu a um vizinho meu de banco! :-D coitado do senhor!
Eu a ver um filme, e de repente apercebo-me que o senhor andava para a frente e para trás, a olhar para os bancos... percebi imediatamente o que estava a acontecer. Ele já estava com um ar preocupado, do tipo: Estou maluco! não consigo encontrar o meu banco!

Ele estava sentado atrás de mim. na outra fila de cadeiras, viajava com a mulher e a filha, ele ia sentado no meio e ambas dormiam ferradas!
Eu levantei a mão, para ele me ver, e disse-lhe: ali, apontando !
Respirou aliviado, riu-se bastante e agradeceu.

É uma situação muito esquisita, fica-se meio tonto. :-)

Levei o vôo todo a ver filmes cómicos e chorei a rir (literalmente) com o filme Só por Cima do Meu Cádaver, com a Eva Longoria Parker, a toda boazona das Desperate Housewives, em que ela faz de morta. Vale a pena se quiserem ter um serão relaxado, naqueles dias de Domingo cinzentos e com chuva, em que o nosso humor não está lá grande coisa.

1h antes de termos aterrado, serviram-nos o pequeno-almoço, o que foi bom, para o corpo se adaptar ao novo ritmo, e assim que aterrámos, depois do comandante ter falado em inglês a dizer Welcome to Lisbon, podemos ouvir o assistente do vôo dizer, em brasileiro:
Bem-vindos à MADEIRA!
hehehehehe
Olhámos todos uns para os outros, eu fiquei com a certeza de que ele queria era ir para a Madeira :-D, mas depois pediu desculpa, dizendo qq coisa do género, desculpem, queria dizer Lisboa!

A fila para o controlo do passaparte, para quem não pertence ao Espaço Europeu, tinha kms, a minha ate' foi rápida.
As malas também chegaram rapidamente e um delas vinha bem fria, o que me deixou com a pulga atras da orelha.

Quando cheguei a casa e abri as malas, a minha curiosidade estava toda virada para a mala que vinha fria, era a maior e a que vinha com excesso de peso:-). Mal a abri, percebi logo o que tinha acontecido: a mala tinha sido aberta e inspeccionada! para confirmar, lá estava o papelinho da inspecção.
Raios! pensei eu, e os chocolates e os 2 frascos de Maple Syrup que trouxe?
Comecei a tirar a roupa, pois tudo o que trazia estava embrulhado na roupa, por causa dos impactos, pois eu já sabia de antemão que eles tratam muito mal a nossa bagagem, e qual não é o meu espanto quando dou com um dos frascos de Maple Syrup, ambos embrulhados naquele plástico de bolhinhas (que depois adoro rebentar com os dedos e ouvir os estalidos!), com um selo autocolante da inspeccção americana, do departamento de agricultura (acho, não tenho a certeza, não tenho uma foto para vos mostrar), em volta do comprimento da garrafa!
Era o Maple Syrup do Ruca!
Eu fiquei mt surpreendida, e ele ficou ainda mais! Só dizia: eu nem devia tirar isto, devia ficar assim para recordação!

Não pensei mais no assunto, mas depois do que aconteceu na viagem de regresso :-) começo seriamente a colocar a hipótese de que entrei para a lista negra de passageiros que levam coisas 'ilegais' na bagagem, ou muito me engano, ou nas próximas viagens que fizer, para fora do país, as minhas malas vão voltar a ser inspeccionadas. A ver vamos!


Já volto para contar como foi a viagem de regresso!

Um beijo :-}*

No comments: